Lanternas Pradolux | Site Oficial

Como fazer a manutenção das lanternas do caminhão?

A manutenção das lanternas e faróis do seu caminhão devem ser feitas primeiramente com a vistoria prática: ligá-los e depois ir até a parte da frente e traseira do veículo para certificar que as lâmpadas estejam funcionando corretamente. Em caso de troca, faça sempre em pares, visto que ambas as lâmpadas têm tempo de vida útil similar.

Também é importante verificar o alinhamento dos faróis, já que eles podem ficar tortos ou não brilharem da maneira que deveriam. Isso poderá atrapalhar a visibilidade da pista enquanto dirige ou atrapalhar outros motoristas e pedestres.

Além de verificar se estão funcionando corretamente, também é preciso realizar a limpeza periodicamente. Quando ocorre o acúmulo de sujeira na superfície os faróis ficam amarelados e a intensidade da luz é reduzida.

É necessário ficar atento com a sistema de iluminação do caminhão, pois, é um  item fundamental e obrigatório, que impacta a segurança, uma vez que as luzes auxiliam na condução de dia e de noite. Compõem esse sistema faróis, lanternas, piscas, luzes de posição, freio, ré e placa, além dos faróis de neblina. Por lei, todas as luzes devem estar em perfeitas condições de funcionamento, ou o motorista pode ser multado.

Outra dica é conferir se o conjunto óptico está bem encaixado, pois as trepidações sofridas pelo caminhão podem desencaixar algum componente e, assim, desregulá-lo.

Vale destacar que a instalação do conjunto óptico deve ser feita por profissionais qualificados e com peças homologadas. Uma instalação incorreta pode comprometer o módulo eletrônico do veículo e causar um curto-circuito.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o motorista pode ser multado nas seguintes condições:
Art. 223. Transitar com o farol desregulado ou com o facho de luz alta de forma a perturbar a visão de outro condutor.

Compartilhar

Comentários

Ainda não há comentários neste post.

Leave a comment

Traduzir »
Abrir
Precisa de ajuda?